Angola: Zélia Ferreira recebe distinção em Paris

A artista plástica Zélia Reis Ferreira foi distinguida na segunda-feira, em Paris, França, com o Prémio de Ouro, na exposição internacional no celebre Museu do Carrousel du Louvre, pelo seu trabalho “Sorrisos”.

0

O realizador Nguxi dos Santos, que se deslocou a Paris para uma reportagem sobre a artista plástica, foi também homenageado com uma medalha de ouro pelo seu trabalho em prol de Angola.

Artista plástica e realizador distinguidos em Paris
Fotografia: Edições Novembro

Zélia Maria do Carmo Reis Ferreira nasceu na cidade das Acácias Rubras, província de Benguela. Pintora e artista plástica é Diplomada do Instituto Diderot de Belas Artes em Bruxelas, Bélgica, (Antiga Escola do Sablon, no “Vieux Sablon de Bruxelles”) em Pintura de Aquarelas, Carvão, Trompe L’oeil, Falso Mármore, Arquitectura e Decoração de Interiores.

Nascido a 22 de Janeiro de 1960, no Nzeto, província do Zaire, Nguxi dos Santos foi repórter de guerra na Televisão Pública de Angola (TPA), na década  de 80.

Nguxi dos Santos e José Rodrigues venceram, em 2015, na categoria de cinema e audiovisual, o Prémio Nacional de Cultura e Artes com o documentário “Langidila”,  uma obra dinâmica , que num crescente estado de emoção culmina com uma sensação de que algo mudou em nos: um misto de orgulho pátrio com uma mais sentida identidade nacional.

Publicidade