Benfica 5-0 Belenenses: ‘show’ de Jonas garante vitória tranquila frente aos azuis do Restelo

0

O Benfica venceu o Beleneses por 5-0, na terceira jornada do campeonato nacional. Jonas , com um ‘hat-trick’, Salvio e Seferovic fizeram os golos do encontro disputado no Estádio da Luz.

Com Filipe Augusto no lugar de Fejsa, lesionado, Rui Vitória apostou no mesmo onze que lhe deu duas vitórias frente ao SC Braga e ao Desportivo de Chaves.

E não podia ter começado da melhor maneira. Ainda soava na mente de todos o apito inicial quando as ‘águias’ marcaram o primeiro golo da partida.

Na marcação de um livre, Pizzi cruza com peso e medida para Jonas que, solto de marcação, inaugura o marcador, para gáudio dos adeptos benfiquistas.

O Benfica continuou por cima do jogo e aumentou a vantagem aos 28 minutos. Numa jogada na área da equipa do Belenenses, a bola acabou por sobrar para Salvio à entrada da área que, de pé direito, faz um golaço.

E foram precisos apenas mais cinco minutos para que o Benfica se colocasse em vantagem uma vez mais. Numa jogada rápida de contra-ataque, lançada por um toque subtil de Jonas, Seferovic isola-se e depois de uma corrida de 30 metros, frente a frente com Muriel Becker, colocou o resultado em 3-0.

Na segunda parte, o Benfica entrou com a mesma vontade de fazer golos, pressionando alto e não deixando a equipa do Beleneneses construir jogo. Aos 49 minutos, Muriel teve de se aplicar para defender mais um remate de Seferovic, que cabeceou para a baliza, após passe de Eliseu.

A reação do emblema de Belém era ténue e sem grandes ideias para contrariar o jogo do Benfica, que se aproximou muitas vezes com perigo da área defendida pelos azuis do Restelo.

E o Benfica poderia mesmo ter aumentado ainda mais a vantagem. Aos 58 minutos, Filipe Augusto desmarcou Seferovic que remata ao lado da baliza do Belenenses. E aos 62, Cervi remata a bola ao poste, depois de ter realizado um cruzamento muito próximo da baliza, que ia enganando Muriel.

Com a vitória garantida, Rui Vitória fez entrar Martin Chrien, Raúl Jiménez e Lisandro López para os lugares de Salvio, Seferovic e André Almeida, respetivamente.

E o avançado mexicano podia mesmo ter feito o gosto ao pé, não fosse o poste a evitar o quarto golo do Benfica. Aos 85 minutos, numa jogada rápida do Benfica, a bola sobra para Jiménez na direita, que remata cruzado com força e acerta em cheio no poste da baliza defendida pelo guardião do Belenenses.

Não marcou mas deu a marcar. Aos 90 minutos, Raúl Jiménez serve com peso e medida Jonas que, sozinho frente a Muriel, rematou colocado para mais um golo.

Mas não ficaria por aqui. O avançado brasileiro voltaria a dar o ar da sua graça já nos descontos. Pizzi apareceu isolado na grande área adversária e serviu Jonas na perfeição, que apenas teve de encostar para o seu terceiro golo, coroando uma grande exibição.

Com este resultado o Benfica sobe ao topo da tabela classificativa, com os mesmos pontos que Rio Ave e Sporting. Na próxima jornada, os ‘encarnados’ deslocam-se ao terreno do Rio Ave, enquanto que o Belenenses recebe o Vitória de Setúbal.

Veja o resumo do encontro

Publicidade