Governo destaca vocação marítima de Cabo Verde em Cimeira sobre os Oceanos

0

O Ministro da Economia e Emprego, José Gonçalves destacou, na tarde desta terça-feira, na sede da ONU, a vocação marítima de Cabo Verde que acaba por criar desafios e oportunidades para o país, principalmente no “fortalecimento da nossa identidade como nação arquipelágica no meio do Oceano Atlântico”.

10Outro desafio é a promoção do desenvolvimento sustentável e o crescimento económico.

Durante o seu discurso na sede das Nações Unidas, por ocasião da Cimeira sobre os Oceanos que decorre em Nova Iorque até 9 de Junho, o governante destacou ainda as ameaças “constantes e graves” que hoje o mundo enfrenta e que podem comprometer esse objectivo, incluindo a poluição marinha, a exploração excessiva de recursos vivos, a destruição do habitat, a degradação ambiental e a ameaça de desaparecimento da biodiversidade, entre outros.

“A utilização sustentável dos oceanos não é apenas uma questão ambiental, é também política, disse.

Por isso, afirmou, Cabo Verde defende a adopção de políticas que promovam a conservação e uso sustentável dos recursos marinhos e aquicultura, gestão sustentável dos recursos marinhos e costeiros para atenuar os resultados adversos, a mitigação dos impactos do turismo costeiro e no oceano, incluindo o reforço da capacidade científica no estudo e uso do oceano.

A conservação das zonas costeiras em conformidade com a legislação nacional e internacional que estabelece, em particular, unidades de conservação marinha e estuário e a prevenção da exploração excessiva dos recursos da pesca através da aplicação de disposições sobre a prevenção de pesca foram outras matérias destacadas pelo governante.

Publicidade