O projeto do arquiteto Gustavo Penna para a Cervejaria Wäls, em Belo Horizonte, venceu o Prix Versailles 2018 na categoria de melhor restaurante da América do Sul, Central e Caribe. O prémio é reconhecido pela UNESCO e pela União Internacional dos Arquitetos, e já prestigiou projetos de marcas como Dior, Dolce & Gabbana e Channel. Com a vitória na etapa da América Latina, o projeto do Atelier Wäls entra na disputa da etapa mundial do Prix, e pode ser o primeiro brasileiro a vencer nessa fase.

O Atelier Wäls foi projetado pelo escritório de Penna, o GPA&A. Localizado em meio às montanhas do bairro Olhos d’Água, na zona sul da capital mineira, a cervejaria se integra à paisagem com sua estrutura ondulada de madeira, e é o ponto perfeito para se observar a beleza local. A Wäls conta, inclusive, com uma área externa com mirante para admirar a paisagem local – além, claro, de ser um restaurante e adega. O local conta com nada menos do que 100 mil litros de cerveja fermentando em seu estoque.

O Prix Versailles é, atualmente, o principal prémio de arquitetura mundial para prédios comerciais. As premiações ocorrem na sede da UNESCO, em Paris. A próxima etapa, que premiará os projetos comerciais a nível mundial, ocorre em maio desse ano.

Publicidade