O anúncio foi feito em São Tomé pela diretora sub-regional desta organização, Vera Paquete Perdigão.

“O Governo já tinha dado a sua disponibilidade, a conferencia será nos dias 26 e 27, vai tratar de questões do futuro do trabalho numa perspetiva das organizações de trabalhadores”, disse Vera Perdigão, recebida hoje em audiência pelo Presidente da República, Evaristo Carvalho, o qual convidou para fazer a abertura do evento.

A conferência sobre o futuro do trabalho vai reunir delegados da África central e de alguns países africanos lusófonos, designadamente Angola, Cabo Verde e Guiné Bissau.

A diretora sub-regional da OIT anunciou igualmente que, por esta altura, a diretora regional desta instituição visitará o país, tendo sublinhado que a sua organização e são Tomé e Príncipe têm uma relação baseada numa estratégia de cooperação com as autoridades e a organização dos trabalhadores.

“A parceria que a Organização Internacional de Trabalho tem com São Tomé e Príncipe baseia-se no quadro de um documento de estratégia de cooperação denominado ‘Trabalho Digno’, em que apoiamos a organização dos trabalhadores em termos de reforço das capacidades para melhor jogar o seu verdadeiro papel nas discussões com outras partes”, disse Vera Paquete Perdigão.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here