Cerca de 40 técnicos superiores são-tomenses das áreas financeiras e gestão iniciaram esta manhã (16) em São-Tomé um curso intensivo sobre “finanças e gestão da dívida” organizado pelo Instituto de Formação em Gestão Económica e Financeira dos PALOP (IGEF) em parceria com ISCTE e a Universidade de Lisboa, Portugal.

Aberto por um dos administradores do Banco Central, Eugénio Soares em representação do ministro da tutela, este curso que terá um total de 60 horas, tem como objetivo  “a melhoria das competências  dos formandos sobre dívida pública em geral com particular realce para a realidade económica e financeira do País”.

Em declarações a imprensa, um dos responsáveis pela organização do curso, Castelo David disse que  “esta é a primeira formação do género realizada em S. Tomé com quarenta participantes que vão poder transmitir aos outros os conhecimentos adquiridos no sentido de melhorar a gestão macroeconómica do país”.

Publicidade