Segundo uma nota de imprensa da embaixada angolana no Botswana, Angola será representada pelo ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Azevedo, e integrará os presidentes dos conselhos de administração da Endiama e da Sodiam EP, Ganga Júnior e Eugénio Bravo da Rosa, respectivamente.

A conferência mundial dos diamantes que se realiza sob o lema “Liderança de Negócios para o Capital Social”, vai debruçar-se igualmente sobre a pesquisa e o desenvolvimento no sector diamantífero da região, tendo em conta o papel estratégico da referida indústria na liderança do desenvolvimento sustentável para o reforço da qualidade de vida das gerações vindouras.

O evento, a ser inaugurado pelo Presidente da República do Botswana, Mokgweetsi Eric Masisi, é organizado pelo Grupo de Beers, em estreita colaboração com o Ministério tswanês dos Recursos Minerais, Tecnologia Verde  e Segurança Energética.

Mais de 500 individualidades mundiais já confirmaram a sua participação no certame, entre empresas estatais, empresários do sector mineiro privado, especialistas da indústria de diamantes, jornalistas e corpo diplomático acreditado no Botswana.

Publicidade