A Assembleia Popular da China ofereceu 55 computadores portáteis a Assembleia Nacional, [Parlamento] de São Tomé e Príncipe, precisamente, composta por 55 deputados, soube-se hoje de fonte parlamentar.

Os computadores foram entregues sexta-feira pelo embaixador da China, Wang Wei ao presidente do Parlamento são-tomense em cerimónia realizada na sede parlamentar nos arredores da capital são-tomense.

Em declarações a imprensa, o embaixador chinês disse esperar que “ este donativo possa ajudar a melhorar as condições de trabalho desta casa parlamentar, onde reflete a vontade do povo”.

Além de agradecimentos pela oferta da sua congénere de Pequim, o presidente do Parlamento são-tomense, Delfim Neves manifestou a vontade “ em intensificar cada vez mais este laço de cooperação e amizade” dentre as duas instituições.

A Assembleia Nacional é o mais alto órgão representativo e legislativo do Estado são-tomense composta por 55 deputados que representam todo o povo e não apenas os círculos eleitorais por que são eleitos.

A Assembleia Popular Nacional da China, também apelidada do Congresso Nacional do Povo é o mais alto organismo governamental do Legislativo da Republica Popular da China.

Publicidade