Segundo o programa de atividade, o terceiro dia será também reservado aos patrocinadores do evento e também a apresentação de casos de estudos” People – First-PPP” nos sectores da agro-indústria, saúde, energia, águas, experiências de PPP em Angola, transportes e logísticas.

A par das abordagens, as empresas expositores vão aproveitar divulgar os seus produtos junto de potenciais clientes e parceiros.

A 35ª edição da FILDA, que decorre de 9 a 13 na Zona Especial e Económica (ZEE), sob o lema “Dinamizar o sector privado e promover o crescimento económico”, conta com a participação de 21 países: Portugal, Alemanha, Indonésia, Turquia, França, Índia, China, Reino Unido, Noruega, Suécia, Suíça, Israel, Brasil, Japão, Bielorrússia, Uruguai, Macau (Região administrativa Especial da China), Itália, África do Sul, Holanda e Estados Unidos da América.

Produtos e serviços ligados à banca, telecomunicações e tecnologias de informação, petróleos, transportes e logística, indústria e turismo, construção civil, intermediação imobiliária, agricultura, entre outros, estão patentes nestes cinco dias de exposição.

Publicidade