A prefeitura do Rio informou que os blocos de pré-carnaval reuniram mais de 150 mil foliões até as 17h de ontem (16). Segundo a Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur), o bloco Chora Me Liga reuniu 110 mil pessoas; o Céu Na Terra, 9 mil; o Chove na Barra, 6 mil; o Bloco Brasil e o Estratégia levaram às ruas 11 mil foliões cada. 

Até as 17h, os quatro postos médicos da Secretaria Municipal de Saúde nos circuitos onde houve desfile de blocos neste sábado fizeram 26 atendimentos. Cinco foliões, com problemas mais complexos, precisaram ser transferidos para hospitais da rede municipal.

A Comlurb recolheu 15,6 toneladas de resíduos em quase 60 blocos que desfilaram no sábado (15). O Simpatia é Quase Amor, em Ipanema, foi o que mais deixou lixo, duas toneladas, seguido do Chá de Alice, no Centro, com 1,7 tonelada, e o Chora Me Liga, também no Centro, 1,3 tonelada. Equipes do Lixo Zero multaram 34 pessoas, sendo 26 por urinar em vias públicas, com multa no valor de R$ R$ 607,54, e oito pelo descarte de lixo fora dos contêineres, com multa de R$ 221,75.

Fiscais da Secretaria Municipal de Fazenda que atuaram no Chora Me Liga apreenderam ao todo 2.044 itens, dentre eles bebidas alcoólicas vendidas em garrafa de vidro, o que é proibido por lei nos blocos de carnaval. Também foram encontrados botijões, cigarros, carrinhos de carga, carroças e isopores, entre outros.

Domingo

Por conta dos blocos e megablocos que vão reunir milhares de pessoas e provocar a interdição de diversas ruas, o município entrou em estágio de mobilização às 7h de hoje (16). O estágio de mobilização é o segundo nível em uma escala de cinco e significa que há riscos de ocorrências de alto impacto na cidade.

De acordo com a prefeitura, o domingo terá mais 35 blocos na rua. Entre eles, o Bloco da Preta, no Centro, e os blocos Suvaco de Cristo, no Jardim Botânico, e a Banda da Barra, na Barra da Tijuca.

Publicidade