Num comunicado divulgado na sexta-feira à noite, o Conselho de Administração do BNA anunciou uma sessão extraordinária para dia 23 de outubro, “no âmbito do seguimento e avaliação permanente da evolução dos indicadores dos mercados monetário e cambial, tendo-se mostrado necessária a adequação das medidas e instrumentos de política monetária e cambial”.

Na sexta-feira, a moeda angolana, o kwanza, que tem transacionado em mínimos históricos ao longo deste ano, atingiu o seu valor mais baixo.

A moeda nacional angolana perdeu 15,8% este mês, segundo os dados oficiais do BNA, que reviu novamente os câmbios na setxa-feira à tarde, o que arrastou o kwanza para uma perda de 31,3% desde janeiro.

De acordo com os cálculos da Lusa, com base nos dados do banco central angolano, um dólar valia no dia 18 de outubro 449 kwanzas (valor médio), quando em 01 de outubro a equivalência era de 378 kwanzas.

Olhando para os dados desde o princípio deste ano, a tendência mantinha-se, já que o kwanza perdeu 31,3% desde o dia 01 de janeiro.

No final da sessão do comité de política monetária, o Banco Nacional de Angola irá publicar um comunicado resumindo as principais conclusões, assim como medidas de política a serem implementadas no curto prazo.

Publicidade