“Cabo Verde lançou uma Página Nacional de Dados, implementando as recomendações do sistema de disseminação de dados, servindo como um veículo de publicação único para acesso a dados macroeconómicos essenciais em formatos legíveis para os humanos e para os sistemas informáticos”, lê-se no comunicado distribuído hoje em Washington, a sede do FMI.

O programa avançado de disseminação de dados (Enhanced General Data Dissemination System, no original) é uma plataforma de apresentação dos dados oficiais de cada país, com o objetivo de “servir de ponto único de publicação para os dados macroeconómicos essenciais sobre as contas nacionais, operações governamentais e de dívida, setor monetário e financeiro, e balança de pagamentos”, explica o FMI.

Os dados vão ter ligações eletrónicas para as estatísticas publicadas pelos produtores oficiais de dados, nomeadamente o Banco Central de Cabo Verde, o Instituto Nacional de Estatística e o Ministério das Finanças.

“Congratulo as autoridades pelo lançamento do programa, um passo importante na disseminação de dados”, comentou o chefe do departamento estatístico do FMI, Louis Marc Ducharme.

Publicidade