Cabo Verde: Arrancou hoje na Cidade da Praia o VII Encontro de Escritores de Língua Portuguesa com o tema “À margem da literatura”

0

O VII Encontro de Escritores de Língua Portuguesa arrancou hoje na Cidade da Praia, com a participação de escritores, cineastas, jornalistas de diferentes países que vão debater durante três dias a interligação da literatura com as novas tecnologias.

Pelo segundo ano consecutivo, a Cidade da Praia acolhe este encontro de escritores, organizado pela União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa (UCCLA), em colaboração com a Câmara Municipal da Praia.

O tema central proposto “À margem da literatura”, reúne em discussão à sua volta, escritores, cineastas e jornalistas de Cabo Verde, Angola, Moçambique, Portugal, Brasil, São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau e Timor-Leste.

Na cerimónia de abertura, o secretário-geral da União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa, Vitor Ramalho, indicou que mais uma vez coube a Cabo Verde receber este evento devido a sua “marca incontornável” quer dos escritores do tempo dos Claridosos, quer os actuais escritores.

Para Vitor Ramalho, este VII encontro é inovador, porque procura combinar aquilo que é a literatura em geral com os novos desafios que se abarca às novas tecnologias.

“Neste sétimo encontro, para além desta marca da literatura procuramos fazer uma relação com tudo aquilo que tem a ver com a comunicação, que hoje em dia é prevalecente dos computadores, das televisões e, até que ponto é que esse formato papel da literatura pode suportar e resistir os novos meios de comunicação social”, asseverou.

Nesta nova era digital, a constatação que se tem, apontou, é que há uma diminuição dos jornais em formato papel e a cada dia estes vem perdendo espaço e estão a ser substituídos pelo formato digital.

Com este debate, a organização almeja encontrar formas mais “engenhosas” de divulgar o livro através dos novos meios de comunicação social e das redes sociais.

Por sua vez, o presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, disse que este evento tem como principais objectivos a valorização da Cultura como factor do desenvolvimento da difusão e da promoção da literatura dos países que se comunicam em português.

Segundo o autarca, este encontro vai ainda contribuir para a criação de laços de cooperação e para a troca de experiências entre escritores de Cabo Verde e de diferentes países do mundo, tendo manifestado o interesse da Cidade da Praia em acolher, nos próximos anos, este encontro, intenção com a qual concordou o secretário-geral da UCCLA.

No evento em que o cinema, a televisão e a Internet são temas marcantes, participam escritores como Vera Duarte, Fátima Bettencourt, Rui Simões, Zezé Gamboa, César Schofield, Diana Andringa, António Vasconcelos, Ana Mafalda Leite e Nuno Rebocho.

Temas como “Literatura local”, “Literatura e a Lusofonia”, “Novas Tecnologia de Imagem e a Internet” e “Influencia das Novas Tecnologias nos Meios Jornalísticos e na Escrita” constam do programa de debate dos participantes do VII Encontro de EELP.

À margem dos debates decorrem actividades paralelas que têm a ver nomeadamente com lançamento de livros, visita ao ex-Campo de Concentração do Tarrafal, na ilha de Santiago e um “pôr do sol” na Cidade Velha.

Publicidade