Os Estados Unidos superaram hoje a fasquia dos 200.000 contaminados com o novo coronavírus, segundo a contagem da Universidade Johns Hopkins.

A pandemia de covid-19 já matou pelo menos 4.476 pessoas nos Estados Unidos, que já se tornaram o país do mundo com mais casos confirmados de contaminação: 203.608.

Só na cidade de Nova Iorque o número de vítimas mortais é já de 1.139 pessoas, a que se juntam 580 no resto do Estado, que é a região mais afetada dos EUA.

Washington, na costa oeste, com 150 mortes, e Michigan, com 120 mortes, são os Estados que registaram mais fatalidades, a seguir a Nova Iorque.

O número de recuperados também subiu, nas últimas 24 horas, passando de 6.000 para 8.400 pessoas.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 870 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram cerca de 44 mil.

Dos casos de infeção, pelo menos 172.500 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Publicidade