Angola registou 15 novos casos positivos de covid-19, o que eleva o total de infeções para 259, anunciou hoje secretário de Estado angolano para a Saúde Pública, Franco Mufinda.

Entre os novos casos, oito do sexo feminino e sete masculino, com idades entre 22 e 72 anos, 14 são de Luanda e um no Cuanza Norte.

Entre estes, cinco casos não têm vínculo epidemiológico estabelecido, aumentando para 31 o total de infeções cuja forma de transmissão está a ser investigada pelo Ministério da Saúde.

Entre os 259 infetados há a registar dez óbitos, 166 casos ativos e 83 recuperados, mais dois em relação a sexta-feira.

Foram recebidas até ao momento 23.963 amostras, entre as quais 259 positivas, 18.372 negativas e o resto em processamento, indicou o mesmo responsável.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 494 mil mortos e infetou mais de 9,82 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Em África, há 9.250 mortos confirmados em quase 360 mil infetados em 54 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

Entre os países africanos que têm o português como língua oficial, a Guiné Equatorial lidera em número de infeções e de mortos (2.001 casos e 32 mortos), seguida da Guiné-Bissau (1.614 casos e 21 mortos), Cabo Verde (1.027 casos e nove mortos), Moçambique (816 casos e cinco mortos), São Tomé e Príncipe (711 casos e 13 mortos) e Angola (259 infetados e 10 mortos).

Publicidade