Deutsche Bank assina hoje acordo para financiar com 1.000 M€ setor privado angolano

O Governo angolano assina hoje, em Luanda, com o Deutsche Bank, um acordo-quadro tripartido para financiamento do sector privado em Angola no valor de mil milhões de euros.

0

De acordo com informação do Governo angolano, em causa está um acordo que tem o banco alemão como financiador e o Ministério das Finanças como Garante. O financiamento à economia angolana será feito através do Banco de Desenvolvimento de Angola.

A Lusa noticiou em 15 de Abril que o Deutsche Bank prevê emprestar mil milhões de euros a Angola, tendo o Governo publicado dias antes, em Diário da República, as garantias de Estado inerentes ao empréstimo, num despacho assinado pelo Presidente angolano, João Lourenço.

O empréstimo, a ser concedido pelo Deutsche Bank Espanha, é destinado ao “fomento do sector privado angolano” e será concretizado “através de acordos-quadro de financiamento a celebrar com bancos comerciais nacionais” angolanos, pode ler-se no despacho do Diário da República angolano de 09 de Abril.

O despacho aprova ainda a minuta e anexos dos vários acordos-quadro e confere ao ministro das Finanças angolano a autorização de exercer a qualidade de garante do Estado na assinatura dos mesmos.

O despacho estabelece que as garantias soberanas (Cartas de Garantia) aos acordos individuais de financiamento que venham a ser celebrados ao abrigo dos acordos-quadro “são concedidas casuisticamente, de acordo com as especificidades de cada projecto e desde que se destinem aos sectores da Agricultura, Indústria, Agro-Pecuária e Pescas”.

Publicidade