A Croácia assegurou não apenas a sexta qualificação para o Campeonato da Europa (quinta consecutiva), mas também a vitória no Grupo E, ao virar o resultado na receção à Eslováquia e impor-se por 3-1.

Alemanha e Holanda fecharam as contas do apuramento direto na ‘poule’ C: os alemães isolaram-se no comando ao vencerem por 4-0 na receção à Bielorrússia, enquanto o empate 0-0 dos holandeses na Irlanda do Norte foi suficiente para carimbar a qualificação.

Campeã em 1972, 1980 e 1996, a Alemanha é recordista de títulos europeus, em igualdade com a Espanha, e não falha a fase final de Europeus e Mundiais desde 1968, estando já apurada para o Euro2024, na qualidade de seleção do país anfitrião.

Os germânicos são igualmente a seleção com maior número de participações no Campeonato da Europa, no qual participam de forma ininterrupta desde 1972, tendo hoje garantido a 13.ª presença.

A Holanda, campeã europeia em 1988, vai participar pela 10.ª vez no torneio continental, regressando à ‘ribalta’ após as qualificações falhadas para as fases finais do Europeu de 2016, realizado em França e conquistado por Portugal, e do Mundial de 2018, disputado na Rússia.

A Áustria vai disputar a terceira fase final do Europeu – segunda consecutiva -, depois de hoje ter vencido por 2-1 em casa a Macedónia do Norte, num grupo G conquistado pela Polónia.

Os dois primeiros de cada um dos 10 grupos qualificam-se para a fase final, enquanto as restantes quatro vagas sairão dos play-offs, a disputar pelos quatro melhores classificados de cada uma das quatro ligas da primeira edição da Liga das Nações que não conseguirem o apuramento direto.

A fase final, para a qual já se tinham qualificado Bélgica, Itália, Rússia, Polónia, Ucrânia, Espanha, Turquia, França, Inglaterra, República Checa, Suécia e a estreante Finlândia, realiza-se de 12 de junho a 12 de julho de 2020, em 12 cidades, de 12 países.

Publicidade