Foi concretizando os cinco penáltis, ajudado ainda por uma defesa de Diogo Costa, que o FC Porto garantiu um lugar na final da Copa Ibérica. Ao cabo de 90 minutos do jogo com o Bétis, o marcador indicava 1-1.

A equipa de Sevilha foi a primeira a marcar, aos 13 minutos, mas Zé Luís, um dos reforços do FC Porto 2019/20, empatou com um grande golo aos 31 minutos. O marcador não sofreria mais alterações.

Na final, que se disputa no domingo, o FC Porto vai jogar com o vencedor da outra meia-final, entre Getafe e Portimonense, marcada para sábado.

Publicidade