O Governo guineense nomeou o general Armando Nhaga para reassumir o comando da Polícia de Ordem Pública, em substituição do coronel Celso de Carvalho, foi hoje anunciado em comunicado do Conselho de Ministros, a que a Lusa teve acesso.

É a quarta vez que Armando Nhaga assume a liderança da Polícia de Ordem Pública (POP) da Guiné-Bissau.

Armando Nhaga ficou celebrizado em Portugal, em 2017, quando o seu nome foi associado ao Benfica, segundo alguns setores futebolísticos, como sendo alguém que, a partir da Guiné-Bissau, fazia “trabalhos ocultos” para ajudar o clube ‘encarnado’ a ganhar jogos.

Publicidade