O Secretário de Estado para Comunicação Social, Adelino Lucas lamentou esta quarta-feira a atitude do Governo Regional da Ilha do Príncipe de não alertar a tempo sobre a avaria nos emissores da TVS no Príncipe.

Falando a imprensa Adelino Lucas disse que “ontem, (terça-feira) recebi um telefonema do Presidente do Governo Regional, solicitando da situação, eu expliquei ao Presidente e lamentei o facto de eu pessoalmente ter tido informações de que havia problema de emissão da TVS no Príncipe por intermédio de terceiro, de um simples consumidor,”. Lucas disse ainda que “as autoridades regionais não comunicaram à Secretaria de Estado para Comunicação Social, nem mesmo a delegação regional da comunicação social teve esse expediente”, sublinhando depois que “nós alertávamos para que fossem mais atentos para comunicar os serviços centrais para que as soluções sejam encontradas atempadamente”.

Para resolver o problema o Secretario de Estado garantiu que “uma equipa técnica deverá descolar-se nas próximas horas ao Príncipe provavelmente esta quinta-feira para realizar todo trabalho complementar de montagem do emissor e recolocação das antenas”. Além da avaria do emissor sobretudo por alegada falta de manutenção, o governante explicou que a avaria deve-se essencialmente da queda das antenas de um mastro de 60 metros como consequência “do tempo de vida da própria antena”.

Publicidade