Na capital espanhola, os ‘merengues’ adiantaram-se no marcador aos 60 minutos, por intermédio de Isco, mas os ‘citizens’, que contaram com o internacional português Bernardo Silva no ‘onze’, deram a volta em pleno Estádio Santiago Bernabéu, à entrada para os últimos 10 minutos.

O conjunto orientado por Pep Guardiola empatou o encontro numa altura em que Bernardo Silva já tinha sido rendido por Raheem Sterling, com um tento do brasileiro Gabriel Jesus, aos 78 minutos, e consumou o triunfo numa grande penalidade convertida pelo belga Kevin de Bruyne, aos 83, depois de Daniel Carvajal ter derrubado o extremo inglês.

O Real Madrid terminou o encontro reduzido a 10 elementos, por expulsão do central e ‘capitão’ Sergio Ramos, aos 86 minutos, depois de ter cometido uma falta sobre Gabriel Jesus, que seguia isolado para a área dos madrilenos.

O jogo da segunda mão está agendado 17 de março, em Manchester.

No dia em que se encerrou a ronda de jogos da primeira mão dos oitavos de final, o Lyon tirou partido do ‘fator casa’ e surpreendeu a octocampeã italiana, Juventus, em França, e ganhou uma vantagem importante – embora ténue – na eliminatória com os ‘bianconeri’.

Em vésperas do duelo com o Inter de Milão, para a ‘Serie A’, a formação de Turim, com o internacional luso Cristiano Ronaldo na frente de ataque, não teve ‘arte’ nem ‘engenho’ para superar o adversário e acabou por ser derrotada com um golo de Lucas Tousart, aos 31 minutos.

O guarda-redes internacional português Anthony Lopes voltou a ser titular entre os postes da baliza do Lyon, um dos adversários do Benfica na fase de grupos da prova.

Os encontros da segunda mão dos ‘oitavos’ disputam-se em 10, 11, 17 e 18 de março.

Publicidade