Esta receita representa 97,5% do valor que estava previsto arrecadar até ao final do ano.

No período homólogo de 2016 e de 2017, a capital do jogo mundial tinha encaixado, respetivamente, 6,2 mil milhões e 7,4 mil milhões de euros, segundo a Direção dos Serviços de Finanças de Macau.

Os 8,66 mil milhões de euros representam mais de 80% do total do valor em impostos arrecadado pelas autoridades de Macau que, no total, contabilizaram entre janeiro e setembro deste ano uma receita de 10,7 mil milhões de euros.

A Administração de Macau realizou nestes nove meses do ano despesas na ordem dos 5,7 mil milhões de euros, mais 7,2% em relação a período homólogo, registando um saldo positivo que ronda os cinco mil milhões de euros, mais 28,3% do que aquele registado entre janeiro e setembro de 2017.

Publicidade