Moçambique: Complexo residencial nasce na cidade de Maputo

0

A construção da fase I do projecto de cinco mil casas a ser implantado nos bairros da capital moçambicana de Zimpeto, KaTembe e Polana-Caniço arranca dentro de dias.

Trata-se de um complexo residencial a ser erguido pela Akay Construction, da Turquia, no âmbito da cooperação entre os municípios da capital do país e Ancara.

Para o efeito, o município de Maputo entregou oficialmente, esta sexta-feira, o terreno onde serão construídos 2480 apartamentos destinados a munícipes de classe média alta. O início dos trabalhos estava refém da entrega do espaço que alberga actualmente as residências construídas para funcionários da edilidade e prevê-se que a entrega dos primeiros apartamentos aconteça nos finais do próximo ano.

A cerimónia de lançamento do projecto foi orientada pelo presidente do município de Maputo, David Simango, no âmbito das festividades dos 130 anos de elevação de Maputo à categoria de cidade, e contou com a presença da embaixadora da Turquia no país, Zeynep Kiziltan, e parceiros da edilidade.

Intervindo na ocasião, segundo escreve hoje o “Notícias”, David Simango disse que o projecto vai trazer uma mais-valia para os planos do município na redução do défice de habitação com que Maputo se debate nos últimos tempos.

“Estamos cientes de que esta iniciativa não irá resolver todos os problemas de habitação da nossa cidade, mas acreditamos que contribuirá para reduzir o défice de habitação na cidade e atrair outros projectos, um pouco todo o país”, disse.

Por seu turno, Zeynep Kiziltan realçou que o projecto das cinco mil casas, quando for concluído, será o maior investimento turco no país, numa altura em que se contabilizam mais de 300 milhões de dólares norte-americanos.

Publicidade