O avançado do Leicester marcou aos 49 e 75 minutos, repetindo o ‘bis’ conseguido na edição de 2014, então num desaire por 3-2 com a Argentina, com a qual vai decidir o apuramento na última ronda, marcada para terça-feira.

Os nigerianos contam três pontos, contra um dos argentinos e dos islandeses, que poderiam ter reduzido aos 83 minutos, mas Gylfi Sigurdsson falhou uma grande penalidade, ao atirar por cima da barra, após falta do futuro benfiquista Ebuehi.

Publicidade