ONU diz que situação na Líbia é “extremamente preocupante”

Publicidade