A polícia moçambicana deteve na sexta-feira três homens suspeitos de serem os responsáveis por alguns dos ataques a veículos no Centro do país, bem como por um homicídio e destruição da viatura de um dirigente local.

“Todos estes casos foram esclarecidos com a captura destes homens”, referiu Mário Arnaça, chefe de Relações Públicas da polícia na província de Manica.

Em causa estão ataques armados, registados desde agosto, contra camiões de mercadorias, autocarros e até uma ambulância, em diferentes troços de estrada do Centro do país, incluindo a estrada nacional 6 (EN6), que já provocaram vários feridos e pelo menos quatro mortes, segundo as autoridades.

Publicidade