A 1.ª Mostra da Guitarra de Coimbra, promovida pela Câmara Municipal, começa esta terça-feira com a atuação do primeiro grupo de músicos e prolonga-se até novembro, anunciou a Câmara Municipal.

A sessão inaugural deste ciclo dedicado à guitarra de Coimbra realiza-se no Núcleo da Guitarra e do Fado, na Torre de Anto, às 18h30, com a participação de Ricardo Silva e José Figueiredo (guitarra) e Tiago José e João Teixeira (viola), terminando com a guitarra de Simão Mota e a viola de Jorge Gomes.

“Denominada 1.ª Mostra da Guitarra de Coimbra, esta iniciativa de regularidade bimestral, à exceção dos meses de agosto e dezembro, decorrerá entre fevereiro e novembro”, segundo um comunicado da autarquia, que organiza o programa em colaboração com a Secção de Fado da Associação Académica de Coimbra.

Em cada sessão, com uma duração aproximada de 30 minutos, “serão executadas várias peças para guitarra de Coimbra, seguidas de uma conversa informal sobre o ensino, técnicas de execução, repertório e o futuro” do instrumento, ligado especialmente à academia.

“Trata-se do terceiro ciclo temático que, prosseguindo o objetivo de dinamizar o Núcleo da Guitarra e do Fado de Coimbra, dá sequência à promoção da música de raiz coimbrã, revelando uma outra faceta desta emblemática marca identitária de Coimbra, espalhada além-fronteiras”, salienta a nota.

Com esta iniciativa na Torre de Anto, histórico monumento na Alta da cidade, a Câmara Municipal presidida por Manuel Machado pretende “apoiar e acarinhar um conjunto de jovens executantes, estudantes do cordofone, permitindo-lhes, simultaneamente, alguma visibilidade pública”.

A Mostra da Guitarra de Coimbra inclui mais quatro sessões, em 24 de abril, 20 de junho, 16 de outubro e 20 de novembro.

Publicidade