O primeiro festival de Capoeira Angola, que decorre entre 13 e 19 de janeiro em Luanda, terá na capital angolana a “lenda viva”, mestre João Grande, de 84 anos, que transmitirá o seu saber aos praticantes desta arte.

A sessão inaugural do festival, promovido pelo Uavala Center, uma associação que visa divulgar a Capoeira Angola e utilizar esta arte como veículo para a educação comunitária, transformação pessoal e bem-estar, acontece na segunda-feira no Museu de Antropologia.

Está prevista uma série de ‘workshops’ liderados pelo mestre João Grande, “que viajará de Nova Iorque a Luanda para transmitir o seu saber e ter contacto com os praticantes do Engolo do sul de Angola”, adianta a organização num comunicado.

O Engolo é uma dança tradicional africana que estará na origem da capoeira Angola praticada no Brasil.

O programa do festival inclui também aulas de movimento e artistas musicais sob a orientação do mestre João Reis e contra-mestre Salim Rollins e conta com a participação de capoeiristas oriundos do continente, do Brasil, Estados Unidos, Europa, bem como praticantes locais.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here