Segundo uma nota do Ministério da Economia e Planeamento, dos 89 projetos distribuídos por oito bancos comerciais, 13 foram aprovados, num total de 20,9 mil milhões de kwanzas (41 milhões de euros).

Sete dos projetos inserem-se no setor agrícola, três são industriais e outros três relativos à agropecuária.

Quanto à distribuição territorial, quatro vão desenvolver-se no Cuanza Sul, três em Luanda, dois em Malanje, dois no Zaire e dois na Huíla.

A Unidade Técnica de Coordenação do Prodesi (Programa de Apoio à Produção, Diversificação das Exportações e Substituição de Importações) realizou, na semana passada, a sua quarta reunião de trabalho.

Além de representantes do Ministério da Economia e Planeamento, participaram as empresas de consultoria FazGest, Agromotora e Uranos, seis bancos comerciais subscritores do PAC (Banco de Fomento de Angola, Banco Comercial do Huambo, Banco Millenium Atlântico, Banco de Comércio e Indústria, Banco de Negócios Internacional e Banco Internacional de Crédito) e o grupo técnico empresarial.

Na sequência desse encontro ficou decidido que iriam realizar-se, partir de hoje, as primeiras visitas aos projetos do setor privado, a decorrer nas províncias da região Centro e Sul do país, coordenadas pelo secretário de Estado para a Economia.

O PAC, aprovado por decreto presidencial em maio, está inserido no Prodesi e constitui um instrumento para facilitar o financiamento de investimentos privados das fileiras produtivas de bens e serviços do programa de apoio.

Para o ano de 2019, o PAC conta com cerca de 146 mil milhões de kwanzas (o equivalente a cerca de 392 milhões de euros) para concessão de crédito, disponibilizados por nove bancos comerciais que celebraram acordos com o executivo para a concretização do programa.

O PAC destina-se a apoiar projetos que se inserem nas fileiras produtiva de 54 produtos considerados prioritários para acelerar a substituição de importações.

Além de financiamento bancário, prevê ainda a atribuição de subsídios para os produtores familiares das várias atividades económicas, sobretudo da agricultura e das pescas.

Publicidade