O Reino de Marrocos manifestou a disponibilidade de apoiar o Desporto em São Tomé e Príncipe, sobretudo, enviando técnicos para formação de atletas e treinadores bem como investimento na melhoria das infraestruturas desportivas.

A disponibilidade do ministro da Juventude e desporto de Marrocos, Rachid Talbi Alami, foi tornada pública esta segunda-feira (19.08) em Rabat, durante um encontro de cortesia entre o governante marroquino e o seu homólogo são-tomense Vinício de Pina.

“Podemos enviar técnicos para São Tomé e Príncipe, para formação dos atletas e apoiar na melhoria das infra-estruturas desportivas”, disse o governante marroquino.

Vinício de Pina congratulou-se com a disponibilidade do seu homólogo, tendo dito na ocasião que os dois países têm uma cooperação tradicional ao nível da educação, que- se torna necessário priorizar outras áreas de interesse comum, tendo apontado “ desporto e a juventude” como sendo duas novas prioridades.

O memorando de entendimento entre os dois ministros, será assinado esta semana, segundo o ministro poderá ajudar a alavancar o desporto nacional tendo reconhecido que existem no país muitos talentos e que a falta de meios impossibilita o crescimento dos atletas em várias modalidades.

No entanto, Vinício de Pina, acompanhado pelo diretor geral do desporto, Akadires Marçal, presidente do COSTP, João Costa Alegre, e vice-presidente António de Menezes desta mesma organização, trabalharam esta terça-feira no termo do memorando de entendimento que será assinado entre os dois países.

Publicidade