A assembleia-geral, que decorreu no pavilhão João Rocha, em Lisboa, contou com a participação de 1.352 sócios, representando um total de votos de 7.431.

Depois de em 2017/18 os ‘leões’ terem apresentado um lucro a rondar os dois milhões de euros, o emblema de Alvalade mantém-se com saldo positivo, embora com uma queda drástica.

Publicidade